segunda-feira, 7 de junho de 2010

NY: "O ícone Liberdade" - 04.06.10

Começar o dia em cheio com um mini cruzeiro à Estátua da Liberdade...parece-me bem.
Eram 10h e já havia uma fila de 200metros para o cruzeiro mais falado de NY, todos querem ver a menina de Manhattan, que ao longe parece um pontinho verde no rio mas que ao perto é lindaaaa! Ao afastarmo-nos da ilha de Manhattan deixámos para trás o som de fundo de mais um dia energizante e ""stressante" da cidade e abraçámos o silêncio do rio (Hudson?). A pequena ilha da estátua aproximava-se rapidamente e snap...uma foto...


É imponente, linda, é uma boa forma de dar as boas-vindas a todos aqueles que ao longo de dezenas e dezenas de anos vieram em busca de liberdade e de um novo mundo de oportunidades. A estátua está estrategicamente orientada para receber os imigrantes, os turistas ou todos aqueles que regressariam a casa. Agora sim de frente, mais uma foto:


A ilha é magnifica, é pequenina e apenas serve (creio) de apoio à visita da Estátua. Vista de cima (do céu) é ainda mais bonita, mas sobre isso falarei mais tarde quando relatarei a viagem de helicóptero.
 Depois de uma breve paragem do barco, prosseguimos para visitar a ilha Ellis - Ellis Island. Nesta ilha, permaneciam os imigrantes que pretendiam entrar em Manhattan, já depois de passarem pela Estátua da liberdade. Digamos que esta ilha servia de barreira/fronteira, onde por diversas semanas manteriam """"presos"""" para avaliação todos aqueles que queriam embarcar na viagem das suas vidas. A Ilha é assim:



http://www.top-things-to-do.com/united-states/new-york-city/ellis-island.jpg

Muito bonita!

Ao voltarmos para Manhattan fomos contemplados por uma vista da cidade-downtown maravilhosa mas ao mesmo tempo triste. É que nota-se um espaço vazio onde deveriam estar as torres gémeas a romper o céu de NY. Vê-se claramente nesta foto o espaço vazio entre os edificios centrais.

Vê-se o Empire State Building do lado esquerdo, mais ao menos ao centro o Financial District, onde se vê um espaço vazio...esperemos que em breve estejam cá as novas duas torres a substituir. Nunca pensei sentir-me assim tão "emotional" sobre este assunto que pensava estar já "encerrado" na minha cabeça. A verdade é que em todo o lado se pintam as torres como parte de NY e quando olhamos para a cidade e elas não estão cá parece que se revive tudo novamente.


Em seguida fomos ver a área portuária junto da ponte de brooklyn, excepcional, faz lembrar as nossas docas de lisboa, muitos restaurantes, espaço para andar, gostei bastante. Na zona havia uma exposição muito famosa: "Bodies", recomendo!!

Depois de passearmos pelas ruas do Financial District fomos ao museu da cera de Madame Tussauds, giro, sempre é uma forma de estarmos juntos do "Obama" e de dar um chuto no rabiosque do "Bush" :)

até já para mais um relato...

Sem comentários: